Conselho Sindical de Jaú é criado para ampliar luta dos trabalhadores e defender  a população

Foi eleito presidente do ConesJaú José Luiz Strefanin Júnior, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Jaú

Por Paulo Grange 05/08/2019 - 23:06

Assembléia realizada nesta segunda-feira (5/08) criou o Conselho das Entidades Sindicais dos Trabalhadores de Jaú (ConesJaú). Reunidos na sede do Sincomerciários de Jaú dirigentes sindicais com base territorial em Jaú e região aprovaram estatuto e elegeram a primeira diretoria da entidade que nasce com o objetivo de ampliar a luta dos trabalhadores e dar voz às demandas da população mais carente.

Os presidentes dos sindicatos presentes na reunião abriram votação para preencher os cargos. Foi eleito presidente do ConesJaú José Luiz Strefanin Júnior, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Jaú. O vice-presidente eleito é Nelson Eugênio Pinto Junior, dirigente do Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos do Comércio de Bauru e Região (Seaac), que mantém sub-sede em Jaú

 A diretoria conta ainda com o secretário-geral Aparecido Donizete Rossi (Neto, do Sincomerciários de Jaú), o tesoureiro Flávio Coutinho (Calçados) e os conselheiros fiscais Edna Alves (Saúde), Adilson Dallano (Construção) e Antonio Marcos Rodrigues (Sinprafarma). Demais sindicalistas ficam como suplentes.

Também fizeram parte da reunião Mário Ezequiel Perobelli (Transportes), José Ramos Aragão (Sindicato dos Trabalhadores na Movimentacao de Mercadorias em Geral) e Luiz Carlos da Silveira e  Souza (Comerciários), Wagner Vieira (Calçados). O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Luiz Antonio Gabriel, não compareceu à reunião, mas justificou e também integra o grupo de criação do Conselho Sindical.

 

Defesa de fato do trabalhador - Júnior Stefanin, falando como presidente eleito pelos demais sindicalistas, fala do momento histórico da cidade que é a criação do Conselho Sindical. "As principais categorias unidas em prol do trabalhador  e da população, tentando melhorar esse momento tão importante que o pais passa, quando se tenta retirar os direitos dos trabalhadores. As entidades sindicais são as únicas que podem fazer algo e defender os trabalhadores de fato."

De acordo com Stefanin, os trabalhadores podem contar com o apoio do ConesJaú, que vai receber as solicitações e buscar soluções eficazes. "Os sindicatos são a casa dos trabalhadores. Espero que eles abracem esse projeto e venham fazer parte, porque unido a gente pode garantir direitos que foram adquiridos durante anos e anos de luta", concluiu.

Para o vice Nelson Júnior, "o Conselho tem a finalidade de fazer a junção dos sindicatos e debater os problemas de cada categoria, os modos de agir das entidades para combater as práticas antissindicais, combater a retirada dos direitos dos trabalhadores e lutar contras as fraudes que alguns empresários cometem.  O objetivo é ajudar não só os trabalhadores, mas a população em geral."

O sindicalista informa ainda que uma das pautas do Conselho Sindical é chamar entidades que podem unir forças em prol dos trabalhadores. "Temos a idéia de pedir à OAB-Jaú que se monte uma comissão de direito sindical para discutir a relação do capital-trabalho, para que analise as MPs e leis do governo."

Em nome dos trabalhadores do comércio, Donizete Rossi resumiu o encontro que deliberou pela criação da entidade que congrega sindicatos de Jaú. "Uma semente plantada em 2017 hoje se torna realidade. Parabéns aos dirigentes sindicais."