Na raça, XV vence Itapirense por 2 a 1 e chega a 20 pontos

Artilheiro Batalla marca um gol e abre o caminho para a vitória, que foi conquistada com gol contra de zagueiro

Por Paulo Grange 09/06/2019 - 13:06

 

Na raça e com briga em cada lance, com um gol de pênalti e outro contra, o XV de Jaú venceu a Itapirense por 2 a 1 neste domingo (9/06) no Estádio Zezinho Magalhães. A vitória levou o Galo a 20 pontos e manteve a segunda colocação no grupo 3 do Campeonato Paulista Sub-23 da Segunda Divisão.

"Na força e na vontade, o time superou tudo dentro do campo e conseguiu a vitória", resumiu o técnico Rogério China. Nesta rodada, o Rio Branco venceu o Brasilis por 1 a 0 fora de casa e se manteve líder do grupo com 20 pontos. Pelo mesmo grupo, o União Barbarense venceu o Jaguariúna por 2 a 1.

O XV foi para cima logo no início, numa finalização de fora da área de Emanuel Júnior e que obrigou o goleiro a tirar na ponta dos dedos para fora. No primeiro tempo foram mais duas ou três jogadas nas quais o XV poderia abrir o placar. Mas o primeiro gol ficou mesmo para o início do segundo tempo.

A 2min30 Batalla sofreu pênalti ao receber passe de Rodolfo na entrada de área. O artilheiro do Galo pegou a bola e fez o que se esperava dele: gol. O nono no campeonato o que o coloca na artilharia geral.

Após esse gol, o XV parecia que dominava o jogo, mas menos de cinco minutos depois, Itapirense foi ao ataque, obrigando o goleiro Rodrigo a fazer uma grande defesa. No rebote, porém, o jogador Danilo Lima finalizou e empatou.

O XV não se entregou a foi premiado aos 35. Na cobrança de escanteio, Michael Douglas subiu alto, mas a bola passou por ele, resvalou em Magno e depois no zagueiro adversário Júnior, e a bola foi para o fundo da rede. A arbitragem deu gol contra. Pouco importa. Foi o gol da vitória e que garantiu mais três pontos.

O técnico Rogério China disse que teve de fazer alguns ajustes durante o jogo, porque as peças não estavam encaixando na etapa inicial. O avanço de Vinicius Fleck, que estava na lateral direito e foi para o ataque, o rendimento melhorou. Da mesma forma, Murilo teve um desempenho melhor no segundo tempo. Para o treinador, o importante foi que o time conseguiu chegar ao gol da vitória.

O XV jogou com Rodrigo. Vinicius Fleck, Michael Douglas, Caicedo e Cafu; Emanuel Júnior (Angelo), Danilo (Matheus Vinicius) e Magno; Murilo, Batalla e Rodolfo (Luzinel)

Gols: Batalla (2min30, 2T, XV), Danilo Lima (8min, 2T, Itapirense) e Júnior (35min 2T, contra)

Público: 1.932 pagantes

Renda: 11.675,00

Amarelos: Cafu, Murilo e Emanuel Júnior

FOTOS: PAULO CÉSAR GRANGE