Prefeitura investe R$ 1,5 milhão em melhorias nas escolas da Rede Municipal de Educação de Pederneiras

Entre os investimentos estão a aquisição de 65 novos computadores para as escolas municipais e a construção de novas salas de aula

Por José Luiz H. Galazzini 09/11/2017 - 19:01

A Prefeitura Municipal de Pederneiras está investindo na Rede Municipal de Educação, somando cerca de R$ 1,5 milhão em manutenção, melhorias, ampliação e adaptações dos prédios escolares, recuperação da frota de veículos da educação e aquisição de computadores.

“Estamos fazendo um trabalho de formiguinha. Fizemos um grande levantamento no início da gestão e identificamos muitos problemas e, desde então, estamos trabalhando duro para sanar todos eles, buscando recursos, enfrentando a crise, priorizando uma educação de qualidade e séria para as nossas crianças”, explica o prefeito de Pederneiras, Vicente Minguili.

Ele ainda ressalta que todo o investimento é fruto de economia do Executivo. “A grande maioria das obras nos prédios é feita com recursos próprios, fruto do imposto pago pelo cidadão e da nova gestão transparente que implantamos desde o início do ano. Estamos economizando para investir onde mais precisamos”, destaca. Além disso, algumas melhorias foram fruto de parcerias com as APM's – Associação de Pais e Mestres de cada escola.

Do total investido nas melhorias neste ano, R$ 660 mil foram aplicados na recuperação da frota de veículos escolares, responsável pelo transporte de parte dos 4,5 mil alunos da rede municipal de educação de Pederneiras. “Os veículos estavam em situação deplorável no início do ano. Eram pneus carecas, ônibus sem equipamentos de segurança, veículos parados sem manutenção e quebrados”, explica Vicente.

Outros R$ 300 mil foram investidos em melhorias, adaptações e reestruturação nas escolas municipais de ensino infantil e fundamental. Por exemplo, dois muros da Emef Monsenhor Celso, no bairro Cidade Nova, foram reconstruídos com recursos da prefeitura.

Alguns prédios ganharam rampas de acessibilidade no interior, como, por exemplo, na EMEF Maria Elena Pereira Bertolini, e algumas salas de aula tiveram as portas adaptadas para receber alunos cadeirantes, como na EMEF Monsenhor Celso. A areia dos parquinhos das escolas foram todas substituídas. Além disso, pensando na segurança dos prédios públicos, muitas escolas receberam grades, travas e trancas em janelas e portas. A Emei Casa da Criança, por exemplo, teve toda a quadra de lazer iluminada. Várias escolas receberam a lousa mágica para a utilização no aprendizado diário dos alunos.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação, 65 novos computadores também foram adquiridos e distribuídos para as escolas municipais, totalizando um investimento de R$ 181 mil.

“Os pais de alunos esperam uma ensino de qualidade. Estamos trabalhando para atender toda a demanda das escolas, ampliar vagas e melhorar cada vez mais, alcançando a qualidade desejada”, afirma a secretária municipal de Educação, Ana Paula Romero.

Entre os investimentos futuros na Educação, está programado para dezembro o início da construção de quatro novas salas de aula na Emef Prof. Anna Ruiz Fernandes Furlani, no Bairro Leonor Mendes de Barros. A obra, avaliada em R$ 200 mil, está em fase de licitação e deve ser concluída já para o início do ano letivo de 2018.