XV reabre alojamento do amador após muitos anos fechado

O local foi reformado para abrigar atletas do Galinho que vão disputar o Campeonato Paulista Sub-20 da Segunda Divisão.

Por Paulo Grange 11/07/2019 - 17:06

A diretoria do XV de Jaú e a Head Soccer reabriram nesta quinta-feira (11/07) o alojamento da equipe sub-20 (amador), que foi construído em 1983 e estava praticamente sem utilidade há cerca de duas décadas. O local foi reformado para abrigar atletas do Galinho que vão disputar o Campeonato Paulista Sub-20 da Segunda Divisão. O XV vai estrear na competição em 3 de agosto no Estádio Zezinho Magalhães, às 15h, contra o Assisense.

O time sub-20 do XV busca o terceiro título paulista na categoria, já que foi campeão da primeira divisão em 2005 e campeão da segunda divisão em 2016.  O comando do time será de Muriel Fernandes, auxiliar-técnico da equipe profissional. No elenco estão alguns atletas sub-20 que treinam com o profissional do XV, casos de Marcelo Novaes, Teko, Tizeu, Chaulin, Bahia e outros, e ainda jogadores aprovados na avaliação em junho.

O gerente de futebol do XV e da Head Soccer, Careca Paiva, disse que já estão chegando alguns atletas indicados para integrar o grupo. Outros virão de vários clubes com os quais a Head Soccer mantém contato. "Todos os jogadores que vamos vão ser do XV. Vamos ter um time forte", disse ele, lembrando que o XV também pleiteia ser sede da Copa Paulista de Futebol Júnior em janeiro de 2020.

O XV está no grupo 3 do Paulista Sub-20, ao lado de Santacruzense, Assisense, Capão Bonito e Marília. Depois da estréia, o XV vai jogar no dia 10 de agosto em Marília. No dia 14, o Galinho recebe o Elosport/Capão.  No dia 17 o XV jogará em Santa Cruz fechando o primeiro turno.

 

 Alojamento - São 32 vagas disponíveis no alojamento da base, algumas delas começaram a ser ocupadas hoje mesmo. O clube iniciou a reforma do local no fim de maio com uma série de obras, incluindo cobertura, laje, rachaduras na parede, troca de portas e janelas, instalação de uma nova rede elétrica, colocação de ventiladores, pintura, chuveiros e demais melhorias.

O presidente do XV, Rodrigo Luiz Paulino, lembra que o alojamento estava havia muito tempo sem reforma. Ao longo de cerca de  20 anos  virou casa de funcionários, de treinador, sede da Liga Jauense de Futebol ... Com a reforma, segundo Paulino, o local volta às origens, ou seja, alojar atletas em formação no clube.

Construído em 1983, o alojamento abrigou inúmeros garotos que fizeram sucesso no futebol, casos de Kazu e muitos outros atletas japoneses. Nos anos 90, por exemplo, foi casa para jogadores como Fábio Carille (atual técnico do Corinthians) , Edmilson e França (ambos chegaram à seleção), como também de Andrei, Celinho...  Muitas histórias e sonhos no futebol passaram por esse alojamento, agora restaurado e com vida novamente.