Santa Casa de Jahu planeja investimentos e conta com o compromisso do poder público para manter atendimento em 2018.

Santa Casa de Jahu planeja investimentos e conta com o compromisso do poder público para manter atendimento em 2018.

Por José Luiz H. Galazzini 13/01/2018 - 08:58

A Santa Casa de jahu, começa 2018 trabalhando para adequar e melhorar vários serviços. Entre eles está uma unificação das Unidades de Terapia Intensiva para adultos. Esse projeto está orçado em 600 mil reais e prevê no primeiro andar uma unidade com 34 leitos, sendo 16 já existentes no local, somando aos outros da UTI do terceiro andar do Hospital. De acordo com o Provedor da Santa Casa, Alcides Bernardi Júnior, a reforma vai ser feita em uma área mais ampla que já abriga leitos de atendimento de convênios e particulares, ficando o atendimento de Terapia Intensiva para pacientes adultos em um só lugar.

Bernardi Júnior espera que os Governos Federal, Estadual e a Prefeitura, cumpram seus compromissos de repassar verbas para que o atendimento via SUS (Sistema Único de Saúde), Pronto Socorro e demais atendimentos gratuitos à população, não sejam prejudicados. Quanto ao governo Federal, a expectativa é que a tabela de serviços do SUS tenha reajuste, porque está defasada. “Nós esperamos que o governo Federal aumente essa tabela, nos repasse o aumento que tivemos de trabalho, o nosso contrato é de 60 por cento e hoje estamos atendendo 80 por cento”, destacou o provedor. O Hospital também aguarda um ressarcimento de aproximadamente cinco milhões de reais, referentes aos atendimentos que foram dados a população e ultrapassaram o valor do contrato com o Sistema Único de Saúde.

A entidade espera do governo do estado o repasse dos valores de convênios na data certa, no intuito de não atrasar o pagamento dos médicos que atendem pacientes nas UTIs, adulto e infantil.

Segundo Alcides Bernardi Júnior, fica a expectativa de receber em dia as verbas da Prefeitura destinadas aos atendimentos de urgência e emergência do Pronto Socorro. Este ano, com as eleições, também fica a esperança de receber repasse através das conhecidas “emendas parlamentares”, para garantir investimentos em novos equipamentos e para compra de medicamentos. A Santa Casa de Jahu espera manter, ampliar e até melhorar os serviços prestados a comunidade. O Provedor lembra que o Hospital é referência em muitas especialidades para Jaú e outras 11 cidades.