Vereadores querem mudar Palavra Livre para evitar fim repentino da sessão

Objetivo é forçar presidente a esperar resposta do vereador se quer ou não usar a palavra

Por Paulo Grange 19/06/2019 - 08:19

Deu entrada na Câmara, Projeto de Resolução que faz alterações no Regimento Interno do Legislativo. O texto é de autoria dos vereadores Tito Coló Neto, José Segura, Tuco Bauab, João Pacheco, Luiz Henrique Chupeta, Agentil Américo Cato e Luiz Maurílio Moretti.

Os parlamentares pretendem adicionar o § 4º ao artigo 87 do Regimento, com a seguinte redação:
“§ 4º - O Presidente da Câmara, no uso de suas atribuições, deverá perguntar se algum vereador deseja fazer uso da palavra e esperar que seus pares se manifestem por um período de 30 segundos antes de declarar por encerrada a Sessão”.

Rei da Câmara

Em comentário de cidadão na rede social da Câmara, ele chama presidente da Câmara de "rei".

"Parabéns pela iniciativa, mas infelizmente isso não precisaria. Na verdade, quando o vereador se torna presidente pensa que é o Rei de Jaú. Por várias vezes isso de cortar a Palavra, já aconteceu. No meu ponto de vista é uma FALTA DE EDUCAÇÃO." (Vladimir Ivanovas)