União Mogi faz 1 a 0, elimina o XV em Jaú e avança às quartas na Segundona

Mesmo precisando apenas o do empate, equipe de Mogi das Cruzes vence o XV de Jaú no Zezinho Magalhães e avança em primeiro no Grupo 5 da 4ª divisão do Paulista

Por José Luiz H. Galazzini 20/08/2017 - 12:55

União Mogi só precisava de um empate, mas conseguiu vencer o XV de Jaú por 1 a 0, na manhã deste domingo, e garantiu o primeiro lugar do Grupo 5 e a vaga nas quartas de final da Segunda Divisão do Campeonato Paulista (equivalente ao quarto nível do estadual). Com a derrota em casa, no Zezinho Magalhães, a equipe de Jaú terminou na última posição e está eliminada.

O gol da vitória do União Mogi foi marcado por Felipe Pinguim, aos 35 do primeiro tempo, após uma falha do sistema defensivo do XV. A equipe de Jaú, que precisava de uma vitória por qualquer placar para classificar, pouco produziu durante os 90 minutos para evitar a derrota.

O União Mogi aguarda a fechamento da rodada para conhecer o adversário nas quartas de final. O outro classificado no Grupo 5 foi o Mauaense, que venceu o América-SP, fora de casa, por 2 a 0. A partir de agora, o estadual segue no formato de mata-mata, com um jogo em casa e um jogo fora.

 

Equipes buscam o ataque

Com a necessidade da vitória, o XV de Jaú começou a partida com mais posse de bola, mas não conseguiu criar chances claras de gol. Mesmo com a pressão de 2,9 mil torcedores da equipe da casa, o União Mogi saiu para o jogo em busca do ataque, usando a velocidade pelos lados do campo.

Aos 28 o XV balançou as redes do União, mas o auxiliar marcou impedimento no lance. Na sequência, a equipe de casa ensaiou uma pressão com bolas cruzadas na área. Aos 34, o goleiro Vitor, do União, fez uma boa defesa. No minuto seguinte, o volante Vinícius, do XV, falhou na defesa e o atacante Felipe Pinguim, do União, recuperou a bola para marcar o primeiro gol do jogo.

União faz segundo tempo seguro

O União voltou do intervalo com o goleiro Caio no lugar de Vitor. E, logo no início da segunda etapa, o goleiro do Alvirrubro fez boa defesa. Com dificuldade na criação, o XV tentava chegar ao empate nos levantamentos de Yamada, em cobranças de falta. O União apostou nos contra-ataques e administrou a vantagem sem muitos sustos para ficar com a vitória e a vaga.

 

Por GloboEsporte.com, Jaú, SP