Secretaria de Cultura e Turismo de Jahu faz balanço positivo do 26º Festival de Inverno

Secretaria de Cultura e Turismo de Jahu faz balanço positivo do 26º Festival de Inverno

Por José Luiz H. Galazzini 25/07/2017 - 19:32

Entre os dias 6 e 22 de julho, a Prefeitura de Jahu, através da Secretaria de Cultura e Turismo, realizou a 26ª edição do Festival de Inverno. Intitulado "Fora da Caixa", pela primeira vez o festival não teve como palco principal o Teatro Municipal "Elza Munerato" e as atrações aconteceram de maneira descentralizada, democratizando o acesso, o que possibilitou levá-las a vários equipamentos públicos do município, apresentando um saldo positivo e satisfatório, tanto para os organizadores como para a população dos bairros que receberam as atividades.

Desde o show de abertura com banda 2 Reis, formada pelos filhos do ex-Titãs Nando Reis, até o espetáculo final, com o show comemorativo de 35 anos da banda 14 Bis, o 26º Festival de Inverno de Jahu teve 36 atrações e 16 oficinas, contabilizando um público total estimado em 10,3 mil; incluindo o 9º Festival Caipira do bairro Pouso Alegre de Baixo e o inédito Festival Gastronômico Nordestino do Distrito de Potunduva, que foram integrados à programação.

"Com a programação acontecendo de maneira descentralizada, a população pode ter uma interação maior com o festival, além disso, teve atividade para todas as idades, facilitando acesso e proporcionando arte e cultura aos mais diversificados tipos de públicos", disse Cléo Furquim, secretária de Cultura e Turismo de Jahu.

Para esta edição do Festival de Inverno, a Secretaria de Cultura e Turismo firmou parcerias com o SESI de Jahu, que completou 25 anos do CAT no município; com o Sesc Araraquara e Sincomércio de Jahu; Senac Jahu e também com a Secretaria de Estado de Cultura, através do ProAc e do Atendimento Técnico aos Municípios (ATM), representando uma redução no custo final da organização do evento, e mantendo um alto padrão de qualidade dos espetáculos apresentados.

Contabilizando o Festival Caipira do bairro Pouso Alegre de Baixo e o Festival Gastronômico Nordestino do Distrito de Potunduva, o custo total – entre estrutura e cachês artísticos – da 26ª edição do Festival de Inverno foi 38,5% menor do que o montante gasto apenas com no Festival de Inverno de 2016.

"O planejamento apurado, a curadoria detalhada, o zelo pelo erário e as parcerias que formalizamos para este Festival de Inverno foram fundamentais para fazer um evento extenso, diversificado e de grande qualidade, oferecendo à população uma programação cultural de alto nível e totalmente de graça", destacou a secretária de Cultura e Turismo de Jahu, Cléo Furqui