Menu
Sábado, 10 de abril de 2021

Barra realiza desinfecção de ruas e prédios públicos contra a COVID 19

A desinfecção dos locais de maior circulação será feita duas vezes por semana, nas segunda-feira e quarta-feira

02 de Fev 2021 - 18h:29 Créditos: Assessoria, PMBB
Crédito: Divulgação

Com o apoio da Marinha de Barra Bonita, Capitania Fluvial, Tietê Paraná e a colaboração do SAAE, a Prefeitura de Barra Bonita, junto a Secretaria de Saúde, continua com as medidas preventivas contra o contágio da Codiv-19. 

Nesta segunda-feira (1), foi retomada a desinfecção rigorosa nos pontos de maior circulação do município, com a finalidade de evitar a propagação do vírus. O trabalho é executado para que não haja vestígios de contágio, através da desinfecção e sanitização com uso de Hipoclorito de Sódio (Preparado pelo SAAE), substância desinfetante recomendada pela Anvisa, para impedir a proliferação do Covid-19 em superfícies. 

A desinfecção dos locais de maior circulação será feita duas vezes por semana, nas segunda-feira e quarta-feira. O roteiro de aplicação do Hipoclorito de Sódio nas ruas tem início no PAS Central, PAS Habitacional, Centro de Fisioterapia Antônio  Gallo, rua do Comércio no Sonho Nosso, PAS do Sonho Nosso II,  PAS da COHAB, PAS da Vila Correa, rua Primeiro de Março, todos os Bancos e o PAS da Nova Barra, Dr. Marcílio Togni Júnior,(unidade de referência para COVID19) 

Para a execução dos serviços, uma hora antes, a equipe de sinalização de trânsito da Prefeitura fez orientações aos munícipes, recomendando a retirada dos veículos e também sobre o horário da ação de desinfecção, que tem início às 18h30 horas. 


Desinfecção de prédios públicos

Com o apoio da Marinha, Capitania Fluvial, Tietê Paraná de Barra Bonita, na sexta-feira passada (29/01), foi realizada a desinfecção do prédio da prefeitura de Barra Bonita. Jacques Ernani do Carmo Silva, segundo sargento da Capitania, informou que esse procedimento é feito com uma solução de água e cloro aplicada no ar e nas superfícies, mesas e cadeiras, neutralizando o vírus da COVID 19 e eliminando vestígios do vírus. 

Esse procedimento será estendido aos prédios públicos que apresentarem a necessidade diante do número de pessoas com suspeita ou contágio do vírus. De acordo com o agente operacional da Defesa Civil, Edson Luiz dos Santos, uma equipe de funcionários da prefeitura recebeu treinamento para realizar esse trabalho de desinfecção nos locais públicos. 


Confira a metodologia usada para a desinfecção dos locais.

Metodologia para a desinfeção:

  1. Diagnóstico: e? realizado um diagno?stico, em que sa?o levantados a a?rea a ser tratada e os principais pontos a serem desinfetados: estac?o?es de trabalho, paredes, corrima?os, banheiros, mac?anetas, elevadores, etc;
  2. Desinfecção: com as informac?o?es em ma?os, estabelecemos quais sa?o as melhores tecnologias de aplicac?a?o e quais saneantes sera?o utilizados;
  3. Certificado: por fim, apo?s o tratamento, emite-se um Certificado com a assinatura do Qui?mico Responsa?vel no qual sera?o especificadas as a?reas tratadas;
  4. EPIS utilizados: macaca?o impermea?vel, ma?scaras, luvas, botas e prope?s.

Cuidados extras contra a COVID-19

Ale?m das medidas essenciais que ja? esta?o sendo tomadas, como higienizac?a?o das ma?os, sa?o necessa?rias ac?o?es extras. A esterilização de ambientes, tanto de locais de trabalho como pu?blicos, e? uma importante ferramenta para se combater a propagac?a?o do vi?rus.


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias