Menu
Terça, 11 de maio de 2021

Março atinge 27 óbitos com os 4 registrados no sábado: média um pouco menor do que fevereiro

.

07 de Mar 2021 - 09h:14 Créditos: Paulo César Grange
Crédito: Redes sociais

A média diária de mortes em Jaú teve um leve queda em relação a fevereiro, mas ainda é muito alta. Após seis dias do mês morreram 27 pessoas na cidade, o que resulta na média de 4,5 vidas perdidas para a covid. No mês passado a média foi de praticamente seis mortes diárias (156 em 28 dias). Com os quatro óbitos registrados no sábado Jaú foi a 335 no total, sendo 241 neste ano.


Entre os óbitos do fim de semana está o do médico Valdi Garbulho, 72 anos, que passou cerca de dois meses internado (abaixo mais detalhes) e morreu na noite de sexta. Na manhã de sábado o instalador de som Maurício Barcellos foi outra vítima, como também o aposentado Otávio Cavaleiro de Paula. Estes são alguns dos nomes que o Jaumais descobriu nas redes sociais, mas nem todas as vítimas é possivel saber os nomes.

Euclydes, reprodução da página Vem Pra Rua Jaú

Neste domingo cedo uma das vítimas de covid é o professor universitário, advogado e administrador hospitalar Euclydes Fernandes Filho. Advogado de diversos hospitais, entre eles o Thereza Perlatti, Eudclydes estava internado por causa da covid há cerca de duas semanas, mas o quadro não teve melhoras e ele veio a óbito nesta manhã.Nas redes sociais muitos alunos manifestaram o pesar pelo professor, que lecionou na Fatec entre outros locais.

Terceiro médico - O portal Hora H Notícia trouxe ontem uma notícia sobre a morte do Dr. Valdi Garbulho, lembrando que é o terceiro médico vítima da pandemia. Leia abaixo:


Mais um médico perde a vida por complicações causadas pela Covid-19 em Jaú. Dessa vez foi o clínico geral e infectologista Valdi Garbulho, clínico geral e infectologista que estava internado há 60 dias após ter sido contaminado pelo coronavírus, ser intubado e entrar em processo de recuperação clínica. Valdi tinha 72 anos, deixa a esposa Marli Alves de Almeida e os filhos Antônio, Valdi, Gustavo e Patrícia.

O falecimento foi na noite da 6ª feira (5), no Hospital Amaral Carvalho, e o velório (ele já tinha passado a fase de contágio da doença) iniciado às 6h deste sábado (6), no Conjunto Velatório Oswaldo Izatto (Funerária Jauense). O corpo será trasladado às 12h para Duartina, a 104 km de distância de Jaú, onde ocorrerá o sepultamento.

Dr. Valdi, como era conhecido, é o terceiro médico que perde a vida para a Covid na cidade. Em agosto do ano passado faleceu o obstetra José Roberto Polônio, que foi infectado pelo coronavírus em julho, chegou a ser intubado e morreu na Santa Casa; em 17 de fevereiro deste ano, faleceu o gastroenterologista Itamar Trindade, também na Santa Casa, que, ao saber que seria intubado deixou mensagem nas redes sociais dizendo que não voltaria. (leia no site no link COMPLICAÇÕES DA COVID LEVAM MAIS UM MÉDICO A ÓBITO: DR. VALDI GARBULHO | horahnoticia


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias