Menu
Sexta, 14 de maio de 2021

Acusado de matar comerciantes de Penápolis para roubar é finalmente preso

.

10 de Set 2020 - 12h:23 Créditos: Hora H Notícias
Crédito: Arquivo

J. D.S.R.S., de 24 anos, foi preso na tarde da 4ª feira (9) em casa, no distrito de Potunduva, Jaú, por latrocínio. Ele é acusado de matar a facadas o comerciante João Origuela Filho, 73 anos, em 21/7, e fugir com o carro da vítima, um Honda City. O crime aconteceu no bar de propriedade do idoso em Penápolis e na manhã seguinte, por volta das 6h30, o veículo foi encontrado incendiado na zona rural do distrito, em estrada de terra nas proximidades de local conhecido como Lagoa Preta.

J. tem 24 anos e foi preso, finalmente, um mês e 19 dias depois do crime, em casa, no distrito de Potunduva (FOTO: DIG Jaú)

Durante a fuga, às 22h30 do dia do crime, o carro foi registrado por câmera de monitoramento em Bauru; há fotos também de J. dirigindo o veículo em praça de pedágio, o que permitiu que fosse identificado pela polícia. Na ocasião ele chegou a ser detido e levado à CPJ Jaú, mas foi ouvido e liberado. As investigações prosseguiram e ontem, com mandado de prisão temporária concedido pela Justiça, J. foi novamente interrogado e confessou o latrocínio e outros roubos dos quais era suspeito. Um mês e 19 dias depois do crime, ele agora está recolhido a unidade prisional da região à disposição da Justiça.

idoso dono de bar, seu João foi morto a facadas em Penápolis: latrocínio (FOTO: Arquivo Pessoal/Reprodução)

MAIS DETALHES NO HORA H

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias