Menu
Terça, 11 de maio de 2021

Reduzida à Policlínica, “UPA do Bernardi” abre as portas dia 17: mais de 4 anos de atraso

.

14 de Ago 2020 - 15h:19 Créditos: Paulo César Grange, com assessoria PMJ
Crédito: Divulgação

Quatro atrás, quando o prefeito Rafael Agostini percorria os bairros de Jaú em busca da reeleição, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Residencial Bernardi, já estava pronta. Mas nunca foi inaugurada. Desde então, a Prefeitura alegou falta de recursos e necessidade de mudar a finalidade para justificar o atraso. Agora, reduzida a uma Policlínica, o estabelecimento de saúde será aberto na segunda-feira, dia 17.

A assessoria da Prefeitura divulgou nota avisando que a Secretaria de Saúde vai colocar a “UPINHA” em funcionamento na segunda-feira com o pomposo nome de  Policlínica Residencial Bernardi Ricardo Cesarino Brandão. O prédio está localizada na Rua Dirce Bernardi Pena, 35, em área construída de 1.283,48m², num terreno de 4.700 metros. Foram investidos R$ 4.355.538,63, dos quais R$ 2 milhões do Ministério da Saúde e o restante com recursos próprios. 


Quando funciona?

A Policlínica vai atender de segunda à sexta-feira, no período das 7h às 17h, como unidade básica de saúde (UBS), e das 17h às 20h como Pronto Atendimento. Nos finais de semana e feriados, a Policlínica atende das 8h às 12h. Quando ainda se esperava uma UPA, o local seria para atender cerca de 10 mil pessoas por mês, 24 horas por dia, com atendimentos de urgência e emergência.


Serviços disponíveis

Os jauenses terão atendimento médico e de enfermagem, além de outros procedimentos básicos e de baixa complexidade, como, por exemplo, inalação, suturas, vacinas, consultas e retiradas de medicamentos. Caso ocorra aumento de demanda, o horário poderá ser estendido.

Segundo a Prefeitura, futuramente, quando ocorrer a readequação da finalidade do prédio pelo Ministério da Saúde, poderão funcionar no local as especialidades que atualmente são ofertadas à população no antigo prédio do São Judas e outros serviços que, no momento, funcionam em prédios alugados, centralizando o atendimento.


Ambulância pra emergência

“A Policlínica Residencial Bernardi terá uma ambulância à disposição na entrada. Além disso, estará informatizada para facilitar o acesso da população dessa grande região da cidade a esse novo equipamento público, a Prefeitura concluiu o prolongamento da Avenida Arminda Victória Furlani Bernardi até o prédio da Policlínica”, reforça o prefeito Rafael Agostini. 

Em 2014, quando a obra já estava em andamento, Prefeitura divulgou em seu site detalhes da construção

Dependências

O espaço conta com área externa coberta, área de recepção e espera para público, sanitário de pacientes feminino, sanitário de pacientes masculino, sanitário de pacientes infantil/fraldário, sanitários para pessoas com necessidades especiais, sala de exames e consultório, depósito de material de limpeza, área externa para desembarque de ambulância (coberta), sala de suturas e curativos, sala de vacina, sala de inalação, sala de aplicação de medicamentos / reidratação, sala de coleta de amostras para laboratório, posto de enfermagem e prescrição médica, sala de observação adulto feminina, sala de observação adulto masculina, sala de observação infantil, área de dispensação de medicamentos, área para armazenamento e controle de materiais, almoxarifado, sala de armazenagem de roupas limpas, sala de guarda de roupa suja, sala de armazenamento temporário de resíduos, abrigo externo de resíduos comuns/recicláveis, abrigo externo de resíduos químicos/biológicos e perfurocortantes, estacionamento para motos, funcionários, pacientes idosos, pacientes com necessidades especiais e ambulâncias. 


Área preparada para o início da obra

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias