Menu
Segunda, 18 de janeiro de 2021

Estudante de Medicina em Jaú conquista bolsa Top Espanha

Foram mais de 760 inscritos para o intercâmbio ofertado pelo Santander; viagem acontecerá nas férias de julho do próximo ano

14 de Nov 2020 - 23h:02 Créditos: Assessoria, Unoeste
Crédito: Vinicius Rosa: selecionado e indicado para o intercâmbio na Espanha. FOTO:THAIS GONÇALVES

O estudante do curso de Medicina da Unoeste Jaú Vinicius Rosa de Freitas é o selecionado e indicado da universidade para intercâmbio na Espanha pelo programa de mobilidade internacional do Banco Santander. Sua escolha de professor acompanhante é Rosimeire Simone Dellacrode Giovanezzi. Em julho do próximo ano, eles serão recebidos durante três semanas de estudos da língua espanhola e imersão cultural na Universidade de Salamanca, instituição de ensino superior com mais de 800 anos de existência.

O processo seletivo compreendeu inscrição e fases classificatória e eliminatória mediante aplicação de questionário com informações pessoais e perguntas culturais sobre a universidade e a cidade de Salamanca, que possui 160 mil habitantes, tendo como critérios de desempate a análise de currículo e desempenho acadêmico. Foram 761 inscritos. Vinicius manifesta entusiasmo com o resultado, apesar de confessar que não estava otimista e que nada perderia somente por tentar o intercâmbio.

Nova experiência

Em novembro de 2017, pelo programa Goiás Sem Fronteiras, fez intercâmbio na Universidade da Cidade de New Jersey, nos Estados Unidos. Naquela época, já alimentava interesse em aprender fora das fronteiras do Brasil e a “paixão pela troca que acontece quando culturas diferentes se esbarram”. Sua expectativa em relação à viagem para a Espanha é poder voltar com muitas experiências transformadoras para contar. Natural de Formoso, no interior de Goiás, Vinicius viveu na cidade de 4 mil habitantes até os 17 anos de idade.

Ao concluir o ensino médio, foi fazer cursinho em Uberlândia, no interior de Minas Gerais, cidade com quase 700 mil habitantes. Em 2019 foi aprovado no vestibular do campus da Unoeste em Jaú, cidade de 150 mil habitantes. Comenta que dois fatores influenciaram sua escolha, o primeiro deles foi a infraestrutura e qualidade dos professores. O segundo motivo foi de ordem de parentesco por afinidade, pelo fato de sua madrinha Norma Naves morar em Ituverava (SP), a 260 quilômetros de Jaú.

Sua mãe, Valéria Maria Rosa, seu irmão caçula Pedro Augusto e a avó Maria Luiza Rosa moram em Formoso, a mais de 1.000 quilômetros de Jaú. Seu irmão gêmeo, chamado Felipe, está junto com ele estudando Medicina na Unoeste Jaú. Faz o 2º termo, dois atrás de Vinicius, que classifica como altíssima a qualidade do ensino e como impecável a estrutura de laboratórios da universidade. “Tudo isso tende a ficar ainda melhor na inauguração do nosso novo campus”, diz sobre o prédio de quase 15 mil m², praticamente pronto.

Grande parceria

A relação entre Vinicius e a professora Simone é de grande parceria. Na condição de orientado e orientadora, já produziram algumas pesquisas em iniciação científica, inclusive com publicação de artigo em periódico internacional, o Journal of Clinical Nursing (JCN). Produção de caráter interinstitucional, com Vinicius inserido no grupo de estudos do qual Simone faz parte na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), onde cursa doutorado desde o final do ano passado.

Simone leciona desde o 1º termo da atual 1ª turma na condição de enfermeira e obstetra há 25 anos. Especialista em administração hospitalar, em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e em oncologia, ela é mestre em biotecnologia médica, com larga experiência no mercado profissional.  Atua nos cursos de Medicina e Enfermagem, no qual faz parte do Núcleo de Educação Estruturante. É a responsável pelo Laboratório de Habilidades e Simulação (LHabSim) da Unoeste Jaú e membro da Associação Brasileira de Simulação na Saúde (Abrassim).

A seleção e indicação de Vinicius, incluindo o convite feito à professora Simone, foram bem recebidos pela comunidade acadêmica da Unoeste em Jaú. Para o coordenador do curso de Medicina, Dr. José Oliveira Filho, ter um estudante e uma professora da universidade inseridos em uma instituição europeia representa a magnífica oportunidade da troca de conhecimentos com pesquisadores daqueles países e eles poderão utilizar suas experiências para avançar ainda mais na qualidade do trabalho em Jaú.

Novos conhecimentos 

No entendimento da coordenadora administrativa da graduação, Dra. Amanda Creste Martins da Costa Ribeiro, a seleção e indicação recaíram sobre pessoas maravilhosas e com objetivos de obter crescimento pessoal para contribuir com a instituição e com a sociedade. Acredita que Vinicius e Simone trarão novos conhecimentos na área de saúde, que poderão auxiliar no processo de melhoria da assistência que a Unoeste oferece para a comunidade.

A seleção foi da comissão formada pelas pró-reitorias Administrativa, Acadêmica, de Pesquisa e Pós-graduação e de Extensão e Ação Comunitária, envolvendo os pró-reitores Guilherme de Oliveira Lima Carapeba, Dr. José Eduardo Creste e Dr. Adilson Eduardo Guelfi, com a atuação em todas as etapas pelo Departamento de Relações Interinstitucionais, pelo qual responde Bruno Takikawa. Departamento este que inclusive tem viabilizado diversos programas de intercâmbio, como tem ocorrido com outros já proporcionados pela Unoeste, incluindo os do Santander: Fórmula, Ibero-Americanas, Universidades e Graduação.

Pela segunda vez a Unoeste recebe uma dentre as 50 oportunidades para estudantes de instituições brasileiras de ensino superior a fazerem intercâmbio pelo Top Espanha. A primeira foi em 2018, com a viagem nas férias de julho do ano passado pelo aluno do curso de Química, no campus de Presidente Prudente, Jhonatan Ricardo de Souza Santos, que foi acompanhado da professora Jaqueline Nascimento da Silva. Ambos retornaram encantados com tudo que vivenciaram dentro e fora da universidade.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias