Menu
Quinta, 19 de maio de 2022

Crime: continua a busca por pessoa que colocou fogo em suposto morador de rua

.

15 de Ago 2021 - 09h:25 Créditos: Paulo César Grange
Crédito: Reprodução de imagem do jardim Santa Helena; no detalhe, moradora que publicou vídeo contando o ocorrido

A busca continua. O objetivo é descobrir o autor ou autores de crime ocorrido ontem no Jardim Santa Helena, quando suposto morador de rua foi queimado enquanto dormia. A denúncia apareceu em redes sociais por meio de vídeo de moradora do bairro, que teria ajudado a socorrer pessoa de nome Luis, que estaria em situação de rua. A vitima foi levada para a Santa Casa de Jahu em estado grave. A polícia investiga o caso.

Notícia publicada em várias páginas, incluindo Central da Notícia, Noticiantes, Vem pra Rua Jaú e outros, aborda esse crime bárbaro ocorrido na noite de ontem (14) no Jardim Santa Helena, em Jaú. Segundo moradora, pessoa em situação de rua teve 80% do corpo queimado após ser incendiada enquanto dormia.

Moradores ouviram os gritos da vítima e acionaram o resgate. Em um vídeo divulgado pela página Vem Pra Rua Jaú, uma munícipe que auxiliou no socorro da vítima conta que o homem percorreu alguns quarteirões correndo em desespero enquanto pegava fogo.  Ela pede ajuda aos vizinhos que possuem câmeras de monitoramento e segurança, uma vez que os equipamentos podem ter flagrado o autor do crime.

"Ele percorreu a rua Pascoal Piragine inteira pedindo socorro, para alguém ajudar. Ele parou em frente da minha, nós jogamos uma toalha por cima dele, para ajudar, esperando os bombeiros. Estava sofrendo muito, acho que 80% do corpo foi queimado. Disse que estava dormindo e acordou pegando fogo", relatou a moradora no vídeo

"É uma maldade... é um ser humano... ninguém tem o direito de fazer isso com ninguém. Achei que só via isso pela tv, mas eu vi e pude sentir um pouco do que ele estava sentido. porque é muito sofrimento ver uma pessoa toda queimada e não poder fazer nada", prossegue, esperançosa de que o autor do crime seja localizado e pague por isso.

Vereador - O vereador Rodrigo da ONG, ligado a assistência de moradores de rua, foi acionado e publicou vídeo, no qual diz que tentou apurar quem seria a vítima. Segundo ele, pode não ser um morador de rua. Ele disse que procurou a Delegacia e foi informado naquele momento que não tinha ainda boletim de ocorrência. Delegado iria apurar o caso.

"Falei com autoridades e informação que recebi foi de que a ocorrência foi registrada sim, mas a entrada não se deu como Tentativa de Homicídio ou algo que ligue (em primeiro momento) a possível caso relacionado a alguém ter ateado fogo e sim um outro motivo que prefiro não abordar até por não ter conhecimento afundo do caso ou da real identidade do mesmo. Tudo indica NÃO SE TRATAR DE MORADOR DE RUA. Cabe a polícia judiciária acompanhar o caso e buscar a possível causa ou pessoa." Ele dá mais detalhes: "Uma possível familiar entrou em contato e relatou que pode se tratar de um tio da mesma, morador do São José que poderia estar dormindo na rua no momento. Mas que o mesmo tem residência.'


VÍDEO REPUBLICADO NA CENTRAL DA NOTÍCIA. CLIQUE AQUI

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias