Menu
Sexta, 04 de dezembro de 2020

Senac orienta como não comprometer as finanças na Black Friday

Docente do Senac orienta ações importantes para que os consumidores aproveitem as oportunidades de ofertas de maneira efetiva e segura

19 de Nov 2020 - 15h:56 Créditos: ASsessoria, Senac
Crédito: Senac

Com a consolidação nacional da Black Friday, novembro se tornou um dos meses mais aguardados do ano, tanto pelos consumidores quanto pelos lojistas. Em 2020, a data ocorrerá em um contexto diferente, pois a pandemia de Covid-19 impactou o poder de compra do consumidor e causou perdas comerciais significativas. Mesmo assim, há grande expectativa.

Marcada para o dia 27, a iniciativa deve movimentar principalmente o e-commerce, uma vez que grande parte da população ainda evita sair de casa. Segundo um levantamento do Google Trends, as buscas recentes por termos e sites associados à Black Friday 2020 já superaram o volume registrado em 2019, indicando uma maior perspectiva por negócios vantajosos. No entanto, é preciso ter cuidado para evitar dívidas e o comprometimento da renda.

Rodrigo Batista Daniel, docente da área de gestão e negócios do Senac Jaú, explica que, especialmente neste ano, os consumidores devem avaliar antecipadamente qualquer possibilidade de compra, evitando a impulsividade e os gastos supérfluos. “Antes de adquirir algo, analise as finanças pessoais, o limite do cartão de crédito, os juros embutidos em parcelas e confirme se aquele custo não comprometerá o orçamento futuro.”

Outra dica básica é a análise da real necessidade de compra. “Veja se você realmente precisa daquele produto. Não se deixe levar pelas ofertas do momento e foque apenas no que for necessário ou urgente. Com esse tipo de planejamento e organização, a Black Friday não irá comprometer a sua renda mensal”, ressalta.

Caso a compra for realmente indispensável, aposte na boa e velha pesquisa de preço. Por isso, Rodrigo orienta a consultar as lojas e os sites que tenham os itens desejados e fazer uma lista com valores, formas de pagamento (com preferência para a opção à vista), frete e prazo de entrega. “Na sequência, compare as ofertas e escolha a que se encaixa melhor no seu bolso.”

 Segurança on-line

Além de seguir as dicas financeiras, os consumidores que priorizarem as compras on-line na data precisam fazer algumas confirmações de segurança antes de fechar o negócio. Segundo Rodrigo, sites confiáveis mostram o ícone de um cadeado no canto esquerdo da barra de busca, possuem endereços administrativos físicos e canais de relacionamento com o público. “É importante verificar o histórico de reclamações no Procon e em sites como o Reclame Aqui”, alerta.

Para o especialista, a famosa consulta ‘boca a boca’ também é válida, perguntando para amigos e familiares se eles já compraram itens daquela empresa. “A alternativa é ler os comentários do produto procurado, verificar as avaliações, guardar todas as informações da compra e fazer uma pesquisa de reputação nas redes sociais.”

Se ocorrer algum problema nesse processo comercial, acione o Procon. Em Jaú, fica na Rua Paissandú, 444, Centro. O telefone de contato é o 14 3602 1709.

 Serviço:

Senac Jaú

Endereço: Rua São Sebastião, 145 - Chácara B. Miraglia, Jaú/SP

Informações: https://www.sp.senac.br/jau

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias