Menu
Terça, 07 de abril de 2020

Jaú garante que não vai faltar vacina contra a gripe: prazo vai até 22 de maio

No primeiro dia vacinas se esgotaram e mais de 5400 idosos foram aos postinhos

24 de Mar 2020 - 10h:50 Créditos: Paulo César Grange, com Prefeitura
Crédito: Reprodução

O Município está com medo que dê correria aos postos de saúde em busca de vacina contra a gripe. No primeiro dia, nesta segunda-feira, o estoque disponível se esgotou por causa da grande procura de idosos pela dose. Foram 5.400 aplicadas. A Secretaria de Saúde informa que assim que novas doses chegarem a população será avisada. A Prefeitura emitiu nota hoje informando que o prazo vai até 22 de maio, por isso não vai ter problema de falta da vacina.

"Temos até 22 de maio, garantindo o atendimento de todos os grupos prioritários", disse a secretária de Saúde, Márcia Nassif. Segundo ela, no ano passado, no primeiro dia, apenas mil doses foram aplicadas. Nessa fase inicial, além de idosos, também recebem as vacinas os profissionais da saúde. No dia 6 de abril começa a vacinação para professores e profissionais da segurança

Abaixo, a nota emitida pela Comunicação da Prefeitura:

A Prefeitura de Jahu, por meio da Secretaria de Saúde e Departamento de Vigilância Epidemiológica, iniciou na última segunda-feira (23/03) a 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza (Gripe) para os profissionais de saúde e população acima de 60 anos.

Segundo a secretária de Saúde, Márcia Nassif, as vacinas são enviadas pelo Ministério da Saúde para as secretarias do Estado, que repassa para os municípios. “O Município de Jahu recebeu 7.400 doses da vacina. Dessas doses, 2.000 foram disponibilizadas para os profissionais da saúde dos hospitais do Município e da Secretaria de Saúde. Foram enviadas para as unidades básicas de saúde (UBSs) 5.400 doses para vacinação dos idosos acima de 60 anos e para os profissionais que trabalham nessas UBSs e clínicas particulares. O cálculo da quantidade das doses que deve ser enviada para cada Município é feito pela Secretaria do de Saúde do Estado baseado em dados populacionais do IBGE. Em 2019, na primeira semana de vacinação, foram aplicadas aproximadamente 1.000 doses. Esse ano a população está consciente da importância de receber essa vacina, e por isso a procura foi muito grande”.

Ainda conforme a secretária, as demais doses serão enviadas de forma gradativa até o final da campanha, que se encerra em 22 de maio de 2020, garantindo, assim, a vacinação de todos os grupos prioritários de acordo com o cronograma da Secretaria do Estado de São Paulo. “Assim que chegarem mais doses, iremos divulgar, para que a vacinação seja retomada e todos recebam a vacina da gripe no decorrer da campanha”.

A partir de 6 de abril, serão vacinados professores e profissionais da força de segurança e salvamento. Crianças de seis meses a menores de seis anos, doentes crônicos e pessoas com 55 anos ou mais, grávidas, mães no pós parto, população indígena e portadores de condições especiais serão vacinados a partir de 9 de maio.”Reafirmamos que todos serão vacinados. Apenas vamos aguardar o envio de mais vacinas pela Secretaria de Saúde do Estado para retomarmos a campanha de vacinação. Futuramente estaremos comunicando a todos o retorno da vacinação”, pontua a secretária.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias