Menu
Sexta, 14 de maio de 2021

No último dia do mandato, Agostini inaugura placas no Lago do Silvério e no Boulevard da Major Prado

Depois de entregar a “chave da cidade” para o sucessor no período da manhã, ele aproveitou o período da tarde para deixar sua marca em mais duas obras

31 de Dez 2020 - 18h:05 Créditos: Paulo César Grange
Crédito: Secretário Carlos Moretto e Rafael Agostini no lago ainda inacabado

O prefeito Rafael Agostini foi ágil neste dia 31 de dezembro, o último dos seus dois mandatos à frente da Prefeitura. Depois de entregar a “chave da cidade” para o sucessor no período da manhã, ele aproveitou o período da tarde para deixar sua marca em mais duas obras. Ele descerrou placas de inauguração no Lago do Silvério e no Boulevard da rua Major Prado.

Agostini inverte a lógica de correr para inaugurar obras antes das eleições e deixa para o fim do mandato algumas benfeitorias. Desta vez, em vez de placas de PVC, ele mandou produzir placas de ferro, que podem sobreviver por gerações se ninguém for lá e dar um fim. Assim, eterniza-se seu nome, de secretários e de vereadores. No dia 30 ele inaugurou creche e cemitério.

Inaugurado nesta quinta-feira, o Lago do Silvério passou por uma transformação ao longo de quase oito anos, passando de lugar contemplativo para reservatório de água de chuva. No local foram instalados recentemente brinquedos infantis, aparelhos de ginástica, bebedouros e teve quase todo o calçamento ao redor refeito. Apesar de algumas obras estarem em andamento no local, o prefeito considera oficialmente concluído ao instalar placa no local e fazer solenidade ao lado de secretário. Abaixo, no release oficial, ele cita o que está pendente.

O boulevard, por outro lado, já estava pronto e concluído há meses. Nesta semana a Prefeitura chegou a instalar um monolito de concreto em frente de uma ótica, numa das esquinas das ruas Amaral e Major. Diante das queixas de comerciantes e consumidores, o suporte da placa foi levado para o jardim de baixo, local da solenidade onde posaram para a foto a secretária de Cultura, Carolina Panini, e a vereadora Cléo Furquim, que foi secretária da pasta no início do atual mandato.

Notas oficiais

A Prefeitura de Jahu publicou em seu site no fim da tarde notas sobre as duas obras, incluindo valores investidos, as melhorias,  benefícios para a cidade e o que falta sem finalizado. Abaixo, veja trechos das notas:


LAGO DO SILVÉRIO

A Prefeitura de Jahu, por meio das secretarias de Governo, Projetos e Mobilidade Urbana, inaugurou na tarde dessa quinta-feira (31/12) as obras do Lago do Silvério.

As obras tiveram como objetivo transformar o Lago em um reservatório de amortecimento de cheias com uso múltiplo. Assim, no período chuvoso, o Lago funciona como reservatório de amortecimento de cheias, enquanto que no período de estiagem a área tem a função de lazer e recreação, em condições muito melhores que as antigas. Para isso, foram implantadas estruturas hidráulicas (escavação do reservatório, construção de vertedores e escadas hidráulicas) que transformaram o Lago em um reservatório capaz de armazenar aproximadamente 406 milhões de litros de água, e que controlam a vazão da água do Córrego dos Pires, reduzindo, assim, as ocorrências de transbordamento dele ao longo da Avenida Joaquim Ferraz de Camargo.


Para a função de lazer e recreação, foi construído aproximadamente 2.200 metros de pista de caminhada interna, colocação de 20 bancos de concreto, plantio de 156 árvores e plantio de aproximadamente 31.450m² de grama. O local também conta com pontos de água para pets e pontos de água para os praticantes de caminhada e corrida, parque infantil, chafariz, lixeiras, equipamentos de academia ao ar livre e base da Segurança Patrimonial Municipal para ronda ininterrupta de 24 horas, com objetivo de evitar danos. “Primeiro concluímos as obras de macrodrenagem para, na sequêcia, realizar as obras de revitalização do Lago do Silvério. Está em fase de implantação uma ciclovia na parte interna do Lago do Silvério, medindo três metros de largura. Além disso, está em fase licitatória a troca da iluminação e ampliação das instalações elétricas”, afirma o prefeito Rafael Agostini.

O valor investido no Lago do Silvério foi de R$ 13.209.880,74.



BOULEVARD DA MAJOR:  “Zezinho do Bar”

Na tarde dessa quinta-feira (31/12), a Prefeitura de Jahu, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, inaugurou o Boulevard na Rua Major Prado.

Em 2017, Jahu foi agraciada com o título de Município de Interesse Turístico (MIT), que trouxe como consequência dessa importante conquista a concretização da obra do Boulevard em 2020.

Vereadora Cléo Furquim, secretária de Cultura Carolina Panini e Rafael Agostini

Com a implantação do Boulevard na Rua Major Prado (no trecho localizado entre as ruas Campos Salles e Amaral Gurgel), proporcionou-se a valorização turística do centro histórico do Município ao agregar à área em questão equipamento público destinado aos pedestres. O local conta com mobiliário urbano e equipamentos paisagísticos, e tem como função a circulação e permanência de pedestres, além do alargamento do passeio público, onde foram instalados bancos de madeira sobre alvenaria, lixeiras, guarda corpo metálico para maior segurança, piso podotátil e troca dos pisos do passeio público por ladrilho hidráulico.

A obra foi totalmente realizada com recursos da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo (SETUR), por meio do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (DADETUR).

“Nessa belíssima obra de equipamento público destinado à pedestres, foi pensada a valorização turística do centro histórico da cidade. Um projeto que há muito tempo era bastante requisitado pelos comerciantes. Ficamos felizes em poder com essa obra homenagear um dos comerciantes mais tradicionais do centro de Jahu: o saudoso José Galazzini, o Zezinho do Bar”, reforça o prefeito Rafael Agostini.


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias